AB Notícias Paraná

INFORMATIVO ESTADUAL - 06.12.2017

Há 20 anos divulgando o Paraná

Supervisão de Ayrton Baptista

Enviado para mais de 600 veículos de comunicação

 

TURISMO E ECONOMIA

As festividades natalinas devem movimentar cerca de R$ 130 milhões com turistas no comércio de Curitiba. Para o Instituto de Turismo, é importante posicionar a cidade como destino turístico durante o fim de ano. O evento natalino mais tradicional na capital paranaense é a apresentação do coral infantil no Palácio Avenida. O espetáculo é gratuito e vai até 17 de dezembro.

  

PARQUE ESTENDE HORÁRIO

O Parque Estadual de Vila Velha,em Ponta Grossa, vai atender o público em horários diferenciados durante essa temporada de verão. A partir de 8 de dezembro e até 18 de fevereiro do ano que vem, o parque estará aberto de quarta-feira a segunda-feira, das 8h30 às 15h30. Estará aberto, inclusive, nos feriados de Natal e Ano Novo e na terça-feira de carnaval.

  

IPTU MAIS CARO

A Câmara Municipal de Curitiba aprovou o aumento do IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano) em 4% para imóveis e 7% para terrenos sem edificação, mais a inflação, por quatro anos. O projeto teve 28 votos favoráveis contra nove. O aumento, segundo o Executivo, é o mesmo estipulado em 2014, na gestão anterior da prefeitura.

 

ÚLTIMOS DIAS

A Biblioteca Pública Municipal Pedro Viriato Parigot de Souza, em Londrina sedia a 32ª Mostra Afro-Brasileira Palmares. A exposição segue até o dia 8 de dezembro, com visitação gratuita. O evento busca proporcionar um espaço para que os artistas negros, especialmente vindos da periferia, possam lutar e resistir no Movimento Negro através de sua arte. As últimas edições alcançaram uma média de 20 mil pessoas e contaram com a participação de nomes como Pires Laranjeira, Edith Rizzo, Galina e Délio Sarro, entre outros.

  

MORADIA NO OESTE

Uma parceria entre a Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social e a Itaipu Binacional vai possibilitar a construção de 320 casas em 16 municípios do Oeste do Paraná. Serão 20 casas por município, com investimento previsto de R$ 60 milhões.

 

AUDIOVISUAL E ARTE

Os três primeiros lugares do 1º Concurso Estadual de Produção de Material Audiovisual sobre Drogas ficaram com estudantes da rede estadual de ensino. O concurso reuniu produções audiovisuais feitas por alunos do 1° a 4° série do ensino médio e do curso de Formação de Docentes da rede pública e privada de ensino com o tema “Prevenção é o caminho”.  Cada escola fez a inscrição de um trabalho com orientação de um professor, diretor ou pedagogo.

  

SÁUDE EM CRISE

Mais de 11 mil paranaenses precisam fazer uma cirurgia e não conseguem. É o que revela levantamento do Conselho Federal de Medicina (CFM), que conseguiu uma estimativa sobre o tamanho da fila por cirurgias eletivas do Sistema Único de Saúde (SUS) por meio da Lei de Acesso à Informação. No Paraná, são 11.431 pacientes na fila de espera, 109 deles aguardando por um procedimento desde 2010.

       

VENCEDORES

A Biblioteca Pública do Paraná (BPP) divulgou os títulos dos livros vencedores do Prêmio Paraná de Literatura 2017. Em sua quarta edição, o concurso selecionou obras inéditas, de autores de todo o país, em três categorias que homenageiam figuras importantes da literatura paranaense. O júri apontou Setenta, de Henrique Schneider (RS), como o melhor romance. A bandeira de Cuba, de Marcelo Degrazia (RS), venceu a categoria contos.

 

UEM EM FOCO

A Universidade Estadual de Maringá (UEM), no norte do Paraná, precisa de R$ 45,3 milhões para concluir 31 obras inacabadas, estima o reitor Mauro Baesso em relatório divulgado pela universidade. Das 46 obras que estavam paradas em 2014, no início da atual gestão, 12 foram concluídas e outras seis estão em fase final de construção. 

  

SAÚDE DA CRIANÇA

O verão terá inicio no dia 21 de dezembro, mas as temperaturas já estão altas em todo o Paraná, chegando a 30ºC em diversas regiões. A estação merece cuidados a mais com as crianças. Exposição prolongada ao sol, clima abafado e muito calor podem prejudicar a saúde.Além da desidratação e da diarreia, os problemas mais frequentes em crianças são doenças de pele como brotoeja, decorrente do suor.

  

INDÚSTRIA NO VALE

Serão aplicados R$ 113 milhões em Adrianópolis, no Vale do Ribeira. O valor é oriundo da construção de uma unidade da Supremo Secil Cimentos que deverá oferecer novos empregos para a população da cidade e distritos do Vale. A unidade do Paraná será a mais moderna do Brasil e com alta performance ambiental. 

 

 

** O uso deste material é facultativo, no todo ou em parte.

Pede-se a gentileza de citar a fonte (AB Notícias Paraná).

 

Todos os direitos reservados | © 2017 | AB
desenvolvido por